Roadmap tecnológico: um estudo preliminar

José Antonio Farias Coelho, Sergio Botelho Junior, Elda Fontinele Tahim
DOI: https://doi.org/10.5329/RECADM.20121102001

Texto completo:

Artigo

Resumo

O presente artigo analisa a influência das transações que ocorrem entre os membros de cadeias de suprimento de biodiesel no Rio Grande do Sul sobre as estruturas destas. Foi realizado um estudo de casos múltiplos em duas das sete cadeias de suprimento de biodiesel localizadas no estado. Para a coleta de dados foram utilizadas diferentes fontes de evidência: revisão bibliográfica, conversas informais com os atores das cadeias, participação em reuniões juntamente com alguns representantes dos elos das cadeias; relatórios do governo; entrevistas não-estruturadas com representantes dos grupos de fornecimento, de consumo e alguns membros de suporte da cadeia e entrevistas semi-estruturadas com representantes das usinas produtores de biodiesel. Observou-se que os atributos da transação e os pressupostos comportamentais impactaram na estrutura da Cadeia de Suprimento do Biodiesel localizadas no Rio Grande do Sul, algumas das descobertas relevantes são: a presença de oportunismo e incertezas nas transações entre os produtores familiares e usinas, a falta de fidelidade nas relações entre produtores familiares/cooperativas, produtores familiares/usinas e cooperativas/usinas faz com que as usinas tenham muitas trocas de fornecedores de grãos, e a redução do oportunismo e incerteza a partir de uma maior frequência das transações e dos contratos assinados sob o Selo Combustível Social.

 

 


Palavras-chave

Biodiesel; Cadeia de Suprimento; Rio Grande do Sul; Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel (PNPB); Transação


Referências


Albright, R. E. (2003). Roadmapping Convergence. Albright Strategy Group, 31, October.

Bergelt, K. (2000). Charting the future: motorola’s approach to technology planning. Report of the 6th Annual Cambridge Technology Management Symposium, Cambridge, July, pp. 10-11.

Bray, O. H. & Garcia, M. L. (1997). Technology roadmapping: the integration of strategic planning for competitiveness. PICNET - Portland International Conference on Management and Technology.

EIRMA - European Industrial Research Management. Technology roadmapping: delivering business vision, Working Group Report, 52, European Industrial Research Association, Paris.

Galvin, D. (2004). Protótipo de sistema de CRM para dispositivos móveis utilizando a tecnologia .NET. (Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação). Universidade Regional de Blumenau, Blumenau.

Garcia, M.L. and Bray, O.H. (1997), Fundamentals of technology roadmapping. Report SAND97-0665, Sandia National Laboratories.

Groenveld, P. (1997). Roadmapping integrates business and technology. Research-Technology Management, p. 7.

Kostoff, R. N. & Schaller, R. R. (2001). Science and Technology Roadmaps. IEEE Transactions on Engineering Management, 48 (2), pp. 132-143. http://dx.doi.org/10.1109/17.922473

Phaal, R., Farrukh, C. J. P. & Probert, D. R. (2001). Characterization of technology roadmaps: purpose and format, Proceedings of the Portland International Conference on Management of Engineering and Technology, jul-ago, pp. 367-374.

Phaal, R., Farrukh, C. J. P. & Probert, D. R. (2004a). Customizing roadmapping, Research-Technology Management, 47 (2), mar-abr, pp. 26-37.

Phaal, R.; Farrukh, C. J.P. & Probert, D. R. (2004b). Technology roadmapping: a planning framework for evolution and revolution. Technological Forecasting & Social Change, 71, pp. 5-26. http://dx.doi.org/10.1016/S0040-1625(03)00072-6

Probert, D. & Radnor, M. (2003). Frontier experiences from industry-academia consortia. Research Technology Management, 46 (2), pp. 27-30.

Treitel, R. (2005). Roadmap et Roadmapping: tout ce que vous voulez savoir sur les roadmaps et vous n’avez jamais osé demander. htttp://igart.free.fr/.

Willyard, C.H. & Mcclees, C.W. (1987). Motorola’s technology roadmapping process, Research Management, set./out., pp. 13-19.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.