ESTUDO DE APLICAÇÕES DO BALANCED SCORECARD COMO INSTRUMENTO DE DESDOBRAMENTO ESTRATÉGICO E ALAVANCAGEM DE RESULTADOS

Henrique Martins Rocha
DOI: https://doi.org/10.5329/RECADM.20050401010

Texto completo:

Artigo

Resumo

Da busca de um sistema de indicadores de desempenho que permitisse às empresas uma orientação correta no contexto atual, onde mudanças e exigências dos clientes são cada vez mais dinâmicas, surgiu o Balanced Scorecard, um sistema onde medidas financeiras são complementadas com medidas não financeiras e são estabelecidas relações de causa e efeito entre elas. O presente trabalho visa explorar esta metodologia, reunindo informações sobre a mesma e descrevendo os principais conceitos relacionados ao assunto. O estudo exploratório envolve a obtenção de informações teóricas, calcadas numa revisão bibliográfica junto a autores consagrados na abordagem do tema, além de artigos específicos sobre o assunto, seguido da consolidação do tema nas diversas abordagens já publicadas. As conclusões do trabalho indicam que o BSC pode auxiliar a traduzir a estratégia da empresa e pode ser aplicada a organizações de diferentes portes e áreas de atuação.

 


Palavras-chave

Estratégia; excelência; indicadores


Referências


AFRICA NEWS SERVICE, Embracing the Concept of Value-Based Management. Johannesburg,

Aug 15, 2001 p1008227u0183.

ARVERSON, PAUL & ROHM, HOWARD. Rolling it All Together: a Balanced Scorecard

Approach. Balanced Scorecard Institute, 2002. Disponível em www.balancedscorecard.org/.

BALANCED SCORECARD COLLABORATIVE. Balanced Scorecard Functional Standards,

Release 1.0a, Balanced Scorecard Collaborative, Inc, Lincoln, 2000, MA/USA.

BEST PRACTICES, Executive Summary: Developing the Balanced Scorecard. Best Practices,

LLC. Chapel Hill/NC, 2002.

BROHAWN, DAWN. Value-Based Management: A Framework for Equity and Efficiency in the

Workplace. Center for Economic and Social Justice, 1998 - disponível em

http://www.cesj.org/vbm/articles-vbm/cwp-vbm.htm. Acesso em 24/fevereiro/2003.

CHIAVENATO, IDALBERTO & CERQUEIRA NETO, EDGARD, Administração Estratégica: em

Busca do Desempenho Superior – Uma Abordagem além do Balanced Scorecard, Editora

Saraiva, São Paulo, 2003.

COBBOLD, IAN & LAWRIE, GAVIN, Classification of Balanced Scorecards Based on their

Effectiveness as Strategic Control or Management Control Tool, 2GC Limited, Berkshire, UK,

Presented at PMA 2002, Boston/MA, July 2002.

CORDEIRO, NADIR et al, Modelo de Gestão Estratégica para Organizações Prestadoras de

Serviço. In: Congresso Nacional de Excelência em Gestão, 2002, Niterói, Anais (Niterói, UFF LATEC,

.

FUNDAÇÃO PARA O PRÊMIO NACIONAL DA QUALIDADE, Critérios de Excelência: o Estado da

Arte da Gestão para a Excelência do Desempenho e o Aumento da Competitividade, Fundação para

o Prêmio Nacional da Qualidade, São Paulo, 2003.

HERNANDES, CARLOS et al, Combinando o Balanced Scorecard com a Gestão do

Conhecimento, Caderno de Pesquisas em Administração, São Paulo, v. 01, no. 12, 2o. trimestre

HERZOG, ANA, Pensar, Planejar e Fazer, Revista Exame, 12 março 2003. Páginas 52-56.

KALLÁS, DAVID, A Abordagem Microeconômica do Comportamento do Consumidor Proposta

por Kevin Lancaster como Complemento ao Modelo de Gestão Baseado no Balanced

Scorecard, Symnetics Business Transformation, 2001. Disponível em www.symnetics.com.br.

Acesso em 3 dez. 2003.

KOCH, NÉLIO. Quadro Equilibrado de Indicadores de Desempenho para a Gestão Estratégica

Empresarial – Aplicação a uma Pequena Empresa da Área de Serviço Público de Energia

Elétrica, 2002. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção). Escola de Engenharia,

Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre.

LANCASTER, KELVIN, A New Approach to Consumer Theory, Journal of Political Economy, pág.

-57, 1966.

LANCASTER, KELVINS, Modern Consumer Theory, Billing & Sons, 1991.

LOURENÇO, JORGE & MACHADO, ANA, O Balanced Scorecard como Ferramenta Gerencial

para o Aprendizado Organizacional. In: Congresso Nacional de Excelência em Gestão, 2002,

Niterói, Anais (Niterói, UFF LATEC, 2002).

MATHEUS, LEANDRO, Fatores a Serem Considerados na Estruturação do Controle de Projetos

de Investimento – Uma Abordagem da Utilização do Balanced Scorecard, Revista Produção On

Line, ABEPRO - Associação Brasileira de Engenharia de Produção, v.2, n.2, 2002. Disponível em

www.procucaoonline.inf.br/artigos/zip/03.zip. Último acesso em 11 dezembro 2002.

NIVEN, PAUL, Balanced Scorecard Step-by-step; Maximizing Performance and Maintaining

Results, John Willey & Sons, 1st edition, Mar, 15 2002.

NORTON, DAVID & KAPLAN, ROBERT, Estratégia em Ação: Balanced Scorecard, Editora

Campus, 1997.

PHADNIS, SHREE. Selection of Project Metrics, i Six Sigma Corporation. Disponível em

www.isixsigma.com. Acesso em 8 outubro 2001.

PORTER, MICHAEL, Vantagem Competitiva: Criando e Sustentando um Desempenho Superior.

Editora Campus, Rio de Janeiro, 1989.

PRADO, LAURO, Guia Balanced Scorecard, 1a. edição e-Book, LJP e-Zine, 2002. Disponível em

http://lauroprado.tripod.com/ezine/. Acesso em 19 dez 2003.

PROFETA, ROGÉRIO & GOLDSZMIDT, RAFAEL, Balanced Scorecard: Uma Revisão de

Literatura. In: V Simpósio da Administração da Produção, Logística e Operações Internacionais –

SIMPOI, 2002, São Paulo, Anais (São Paulo, FGV-EAESP, 2002).

RADÜNZ, RICARDO, Sistema de Informação para a Avaliação de Desempenho de Atacados,

Baseado na Metodologia Balanced Scorecard, 2002. Tese de Mestrado em Engenharia de

Produção. Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC, Programa de Pós-Graduação em

Engenharia de Produção, Florianópolis/SC.

RIVADENEIRA, RICARDO, El Balanced Scorecard (BSC) y sus Relaciones com la Calidad,

Martinez Consulting Group, Colômbia, Fundation Latinoamericana de la Calidad, 29 outubro 1999,

Disponível em www.calidad.org. Acesso em 30 nov. 1999.

SANCHEZ, KRISTIANE et al. Balanced Scorecard: Inovação na Gestão de Organizações

Hospitalares. In: V Simpósio da Administração da Produção, Logística e Operações Internacionais –

SIMPOI, 2002, São Paulo, Anais (São Paulo, FGV-EAESP, 2002).

SANTANA, CUSTÓDIO, Balanced Scorecard – Uma Proposta de Modelo para Aplicação no

Setor Varejista – Ramo Supermercado, Symnetics Business Transformation, 2002. Disponível em

www.symnetics.com.br. Acesso em 03 janeiro 2004.

SAUAIA, ANTÔNIO, Preferências de Homens e Mulheres que Participam de Programas de

Aprendizagem com Jogos de Empresas. São Paulo, 2000. Artigo FEA/USP, UFRGS.

SOARES, CRISTINA, Desenvolvimento de uma Sistemática de Elaboração do Balanced

Scorecard para Pequenas Empresas, 2001. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção).

Escola de Engenharia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre.

SOLBERG, JAMES, Integrated Manufacturing Systems: An Overview – Design and Analysis of

Integrated Manufacturing Systems, USA. The National Academy of Science, 1988.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.