BOTS SOCIAIS: COMO ROBÔS PODEM SE TORNAR INFLUENTES NO TWITTER

Johnnatan Messias, Lucas Schmidt, Ricardo Oliveira, Fabricio Benevenuto

Resumo


Sistemas como Klout e Twitalyzer foram desenvolvidos em uma tentativa de medir a influência de usuários nas redes sociais. Embora os algoritmos utilizados por esses sistemas não sejam de conhecimento público, eles têm sido amplamente utilizados para ranquear usuários, de acordo com sua influência no Twitter. Como as empresas de mídia baseiam suas campanhas de marketing viral na pontuação de influência, neste trabalho, investigamos se esses sistemas são vulneráveis e fáceis de manipular. Nossa abordagem consiste no desenvolvimento de contas robôs no Twitter, capazes de interagir com usuários reais, a fim de verificar estratégias que podem aumentar sua pontuação de influência, nos diferentes sistemas. Nossos resultados mostram que é possível se tornar influente por meio de estratégias muito simples, o que sugere que esses sistemas devem rever os seus algoritmos de pontuação de influência para evitar atribuir alto grau de influência a contas que possuem atividade automática.


Palavras-chave


spam; bots; influência; rede social; Twitter; Klout; Twitalyzer

Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .